Imprimir esta página

Alguns Versos

Classifique este item
(1 Vote)

Cinzas de Imbondeiro

Agora, das cinzas, formam-se nuvens, no pilar
Do Edifício construído, como se fora
Um Imbondeiro de raízes de aço
Fixadas na terra.
E com o suor do trabalho, a realizar a
Argamassa, com que se ergue o edifício da vida.
Que suporta os alicerces, firmes, de uma bandeira.
E de uma ideia, simples,
Que se persegue
Resoluto... Excerto da pág. 11

Informação Adicional

  • Autor: Kajim Ban-gala
  • Genero: Poesia
  • Editora: UEA
  • Ano: 2015