Agenda

Kisanji & Poesia

"Quissange, negra saudade
do teu olhar diamantino.

Quissange, lira gentia,
cantando o sol e o luar,
e chorando a nostalgia
do sertão, por sobre o mar."

Tomaz Vieira da Cruz, in "Quissange – Saudade Negra"

Retomando as origens clássicas da poesia que, no tempo dos gregos, era acompanhada pela lira, um instrumento de cordas, o poeta José Luís Mendonça apresenta Kisanji & Poesia, no próximo dia 2 de Agosto, a partir das 20 horas, no restaurante Burako da Floresta, ao Kinaxixe, um recital de poesia acompanhada pelos acordes metálicos do kisanji de Makuma Mambu.

O poeta declama neste recital duas dezenas de poemas, cuja surpresa para o público serão os inéditos que configuram o "verso novo" de José Luís Mendonça, com um discurso menos hermético e mais pragmático. Serão ditos poemas eróticos, poemas solidários e poesia da alma deste escritor que, em 2015, foi galardoado com o Prémio Nacional de Cultura e Artes, na vertente da Literatura.

Kisanji & Poesia, inaugurado em 2015 pelo poeta, destina-se a divulgar a poesia e resgatar a música patrimonial angolana e os instrumentos tradicionais. Tendo em conta que o hábito da leitura está em crescente declínio, o poeta pretende levar a poesia ao ouvido do público. Trata-se de "tirar a poesia dos livros e levá-la para as salas de espectáculo, de forma a divulgá-la de viva voz para mostrar a sua força e vitalidade", explicou José Luís Mendonça.

Durante o espectáculo, Helder Simbad, jovem ensaísta e poeta do Movimento LITTERAGRIS de Viana, vai apresentar o seu trabalho intitulado "Do Spoken Word ao Conceito de Poesia Dita - Da Poesia Dita à Poesia Strictu Sensu".

Notas biográficas dos artistas

José Luís Mendonça

Desde 24 de Novembro de 1955, data em que apareceu na Terra, José Luís Mendonça fez-se homem de profissão. É poeta e jornalista por amor à arte de pintar a Vida nos seus ínfimos detalhes. Antes de tudo, escreveu e escreve contos. Publicou algumas obras de poesia, que se podem resumir, no cômputo geral da Arte, a um único livro. Estudou Direito na Universidade Católica de Angola.

Makuma Mambo

António Simão Afonso Buelusolele (Makuma Mambo), tocador de Kisanji, morador no bairro Golf II em Luanda, nasceu no município de Kimbele, Uíje, aos 5 de Maio de 1966. Na infância, aprendeu, com os pais, a arte de tocar kisanji e outros instrumentos tradicionais, como o batuque, o nkoko e a sakaya. É artista plástico de profissão.

Helder Simbad

É membro do Movimento Litteragris, Arte e Investigação. Estudante do 4º ano do Curso de Línguas, Tradução e Administração na Universidade Católica de Angola.

--
JOSÉ L. MENDONÇA
Cxa. Postal 16.667, Luanda, ANGOLA

Ler 1051 vezes Modificado em sexta, 29 julho 2016 15:41

Contacto

AV. Ho-Chi-Min, Largo das Escolas
1.º de Maio - CEP 2767 Luanda

Telefone: (222) 322 421 Fax: (222) 323 205

e-mail: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Blogs

blogspotuea1    blogspotueamulembeira           blogspotueanguimba
         
ytlogo2   blog-poetenladen   logotips