testeira-loja

Agora, eu via o meu país como uma dessas baleias que vêm agonizar na praia. A morte nem sucedera e já as facas lhe roubavam pedaços, cada um tentando o mais para si. (Trecho de Terra sonâmbula de Mia Couto, p.27)

A língua que eu quero é essa que perde a função

e se torna carícia. O que me apronta é o simples

gosto da palavra, o mesmo que a asa sente aquando

o vôo. Meu desejo é desalinhar a linguagem, colocando

nela as quantas dimensões da Vida. E quantas são?

Se a vida tem, é idimensões?

Mia Couto

 

A Carmen Tindó e a todos os colegas fundadores, com muita determinação, da área Literaturas Africanas de Língua Portuguesa no país.
Estou lendo o livro A CABANA de Willian P. Young. Navegando pela internet eu encontrei algumas críticas literárias e muiiiiiiiiiiiiiiiiiiitas pessoas falando sobre o livro em blogs, sites, espaço de comentários, fóruns... Claro, tudo que diz respeito a Religião e Futebol cria polêmica! Todo mundo discorda, critíca, briga, faz gracinhas...
Se nos pedissem que de maneira lacónica fizéssemos a apresentação (desnecessária, por sinal) do livro “No Útero da Noite” e do seu autor diríamos simplesmente: - Aqui mora a poesia! E eis aqui o seu construtor, o “alquimista” da palavra! E talvez lêssemos também a síntese biográfica do autor. E ponto final. “O escritor possui uma paixão que é suficiente para o justificar: - a produção da forma.” Roland Barthes

Contacto

AV. Ho-Chi-Min, Largo das Escolas
1.º de Maio - CEP 2767 Luanda

Telefone: (222) 322 421 Fax: (222) 323 205

e-mail: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Blogs

blogspotuea1    blogspotueamulembeira           blogspotueanguimba
         
ytlogo2   blog-poetenladen   logotips