Bio Quem

Rosária da Silva

Mujimbu

Toda gente ouviu

quando ele me disse

que me levaria até ao inferno

toda gente comentou

mas toda gente(...)

O mujimbu andou de boca em boca

em Cacanga,

em Kiaposse,

em Camaxiri,

em Camabatela,

em Quiculungo,

Banga , Dondo, Gonguembo

até na Cerca, no Golungo Alto

e no Ndalatando o mujimbu andou...

Hoje ele me diz

que não gosta de mim

todas as promessas que me fez

eram falsas

Oh!...porquê?

vocês viram

vocês comentaram

hoje ele me diz

que até o beijo

era falso

In mensário Kilombo Kwanza Norte Actualidade, Julho de 2000, edição nº1, pág. 18,

Rosária da Silva nasceu no Golungo Alto em 1959. É romancista, cronista, poetisa e declamadora, sendo professora de profissão. Licenciada em Linguística (português), pelo Instituto Superior de Ciências de Educação (ISCED) da Universidade “Agostinho Neto”, em Luanda. Foi colaboradora do jornal “Kilamba”, no Lobito nos anos 80, destacando-se na publicação de poemas e artigos seus na página de “Cultura e Mulher”.

Em 1984 ingressou nas fileiras da Brigada Juvenil de Literatura “Manuel Van-Dúnem”, no Lobito. Em 1987 participou no 1º Encontro Nacional de Jovens Escritores, como membro fundadora da Brigada Jovem de Literatura de Angola(BJLA), onde desempenha as funções de Presidente do Conselho Fiscal. É, igualmente, cantora, compositora , sendo nessa qualidade membro de pleno direito da União dos Artistas e Compositores de Angola(UNAC), desde 1988. Colaborou no Suplemento “Vida e Cultura” do Jornal de Angola nos anos 1980/ 90.

Dedicou-se à literatura dramática, tendo escrito as peças teatrais “A falta de casas”, “Conflitos” e “Ilusão”, as duas últimas levadas ao palco pelo Grupo teatral do Centro Cultural “Rei Mandume”, no Lobito, e no “Internato 1º de Junho”, em Luanda, em 1985 e 1989, respectivamente, Também esteve ligada às artes infantis (poesia, música, crónica, dança, etc.) e à dinamização cultural. Foi sub- directora do referido internato, de meados dos meados dos anos 80 a finais de 90. Em Fevereiro de 1999 publica o seu primeiro romance, intitulado “Totonya”, que havia sido menção honrosa no “Concurso Literário António Jacinto”(1996), sendo, assim, a primeira romancista na História da Literatura Angolana.

É actualmente directora provincial da Comunicação Social na província do Kwanza Norte e editora executiva do mensário regional “Kilombo-Kwanza Norte Actualidade”. Publicou em 1999 o romance “Totonya”, sendo a primeira romancista angolana. Tem colaboração literária, artigos, contos e poemas no Jornal de Angola e no referido mensário.

Informação Adicional

  • Naturalidade: Golungo Alto
  • Gênero literário: Poesia

Contacto

AV. Ho-Chi-Min, Largo das Escolas
1.º de Maio - CEP 2767 Luanda

Telefone: (222) 322 421 Fax: (222) 323 205

e-mail: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Blogs

blogspotuea1    blogspotueamulembeira           blogspotueanguimba
         
ytlogo2   blog-poetenladen   logotips